Em OUTUBRO ---

Saber ver e reconhecer os sinais: grandes mistérios


Baltasar Gracián


1º. Adágio
"Nem todos os que vêem têm os olhos abertos, nem todos os que olham vêem. Dar-se conta da realidade tarde demais, só pesar. Alguns começam a enxergar quando já não há nada pra ver: desfizeram-se a casa e os interesses antes de encontrar a si próprios. É difícil dar compreensão a alguém e mais difícil é dar vontade a quem não tem compreensão. Aqueles que os rodeiam vão em voltas como fazem os cegos, zombando deles. Sendo surdos a conselhos, não abrem os olhos pra ver. E faltam os que fomentem essa insensibilidade: pois seu ser consiste em que os outros não sejam. Infeliz o cavalo do cego: dificilmente engordará"
Baltasar gracián, jesuíta espanhol do século XVI.
2.º Adágio
"De areia a areia, selva a selva eu ando,
Presa da minha frágil fantasia,
Como o vime que o vento vai dobrando
Ou a folha a vogar na ventania


Um cego pela mão me está levando,
Que uma criança fútil tem por guia
E uma mulher esguia atrai nadando,
Nada do mar, mas ágil que uma enguia.


Triste de quem, a vida toda a arar,
Só ara areia e semeia no ar.


Porém mais triste é aquele que se lança,
Movido pelo ímã do mal amar,
No fogo, atrás de uma mulher de mar,
Guiado por um cego e uma criança."

Mark Alexander Boyd,poeta escocês do século XVI.

Adicionar aos Favoritos BlogBlogsAdd to Technorati FavoritesJoin My Community at MyBloglog!

7 comentários:

Bernardo Souto disse...

È vero...Excelente, o diálogo!

Bernardo Souto disse...

È vero.Mesmo século e cosmovisões parecidíssimas.

Germanus Kaiser disse...

Se um Blog é uma página comparada a um diário, gênero que tenho em tudo evitado desde que o criei, aproveito a momento para expor algo que tem haver comigo pois é isso que realmente se passa nesses tempos: não quero perder mais opurtunidades por não conseguir entender tais sinais..

Alisson da Hora disse...

Olhar e perceber...sentir e imaginar...sonhar...compreender... tudo passa por algum aspecto sensorial da nossa alma, ainda tão impermeável a algo tão evidente...

Melinda disse...

te achei!
depois passa lá no dagente,
xêro

Qohélet disse...

"IF THE DOORS OF PERCEPTION WERE CLEANSED EVERYTHING WOULD APPEAR TO MAN AS IT IS, INFINITE!"

(William Blake)

Bela reflexão!

Qohélet disse...

"IF THE DOORS OF PERCEPTION WERE CLEANSED EVERYTHING WOULD APPEAR TO MAN AS IT IS, INFINITE!"

(William Blake)

Postar um comentário

Caro visitante,
Desde já agradeço pela sua disposição para comentar !! Fique a vontade para opinar e deixar suas sugestões.

<< CONHEÇA NOSSAS POSTAGENS ANTERIORES >>